Aumento nos casos de chikungunya chega a 740% em Salvador; interior também tem mais registros - 2 de Julho Noticias - A notícia ao seu alcance // //]]> // //]]>

Últimas Noticias

Home Top Ad

Post Top Ad



22 abril 2020

Aumento nos casos de chikungunya chega a 740% em Salvador; interior também tem mais registros


Salvador registrou, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (SMS), um aumento de 740% no número de casos de chikungunya nos três primeiros meses de 2020. São 1.606 casos, enquanto no mesmo período do ano passado foram 217 infectadas pelo Aedes aegypti.

O interior teve um aumento de 544% no número de casos da doença, em relação ao mesmo período do ano passado. As cidades com mais registros são: Feira de Santana (677), Nova Fátima (73), Esplanada (61), Irará (53) e Santo Amaro (50).

Na semana passada, a Prefeitura de Salvador anunciou a intensificação das ações de combate ao Aedes aegypti em toda cidade, sobretudo nos bairros prioritários. Equipes do Centro de Controle de Zoonoses (CCZ), em parceria com profissionais da Limpurb, realizaram mutirões de limpeza no Bairro da Paz, Caminho das Árvores, além das localidades de Periperi, Congo e Fazenda Coutos, no Subúrbio Ferroviário.

Durante a mobilização, foram feitas a limpeza de canais, terrenos baldios e recolhimento de materiais inservíveis nas comunidades. Agentes de combate às endemias também intensificaram a aplicação de larvicidas nos criadouros identificados e o bloqueio espacial com a borrifação de inseticida.

por Aratu On

Post Bottom Ad