MPF pede que PF investigue chefe da Secom de Bolsonaro - 2 de Julho Noticias - A notícia ao seu alcance // //]]> // //]]>

Últimas Noticias

Home Top Ad

Post Top Ad



28 janeiro 2020

MPF pede que PF investigue chefe da Secom de Bolsonaro

Devem ser investigadas as supostas práticas de corrupção passiva, peculato e advocacia administrativa


O Ministério Público Federal (MPF) em Brasília pediu à Polícia Federal (PF) a abertura de inquérito criminal para apurar suspeitas sobre o chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência da República (Secom), Fabio Wajngarten.

Devem ser investigadas as supostas práticas de corrupção passiva, peculato e advocacia administrativa, que é o patrocínio de interesses privados na administração pública, valendo-se da condição de servidor. 

O pedido do MPF foi motivado por reportagens da Folha, publicadas desde o último dia 15, as quais apontaram que Wajngarten é sócio majoritário de uma empresa que recebe recursos de emissoras de TV e de agências de publicidade contratadas pela própria Secom, ministérios e estatais do governo do presidente Jair Bolsonaro. 

O despacho que pede a investigação da PF foi assinado ontem (27) pelo procurador Frederick Lustosa, depois de o órgão receber representações de diversos cidadãos, com base nas notícias. O caso ficará em sigilo.

por Folha

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja o primeiro a comentar, mas comente com responsabilidade e respeite a opinião alheia...

Post Bottom Ad