Ao menos 32 pessoas morreram e 190 ficaram feridas durante tumulto no funeral de Qassem Soleimani - 2 de Julho Noticias - A notícia ao seu alcance // //]]> // //]]>

Últimas Noticias

Home Top Ad

Post Top Ad



07 janeiro 2020

Ao menos 32 pessoas morreram e 190 ficaram feridas durante tumulto no funeral de Qassem Soleimani

Ao menos 32 pessoas morreram e 190 ficaram feridas durante tumulto no funeral de Qassem Soleimani

Confusão ocorreu no momento da procissão; cerimônia foi adiada

Ao menos 32 pessoas morreram e 190 ficaram feridas hoje (7), durante um tumulto ocorrido no funeral do general iraniano Qassem Soleimani em Kerman, no Irã, cidade natal do falecido. Soleimani será enterrado após quatro dias de homenagens.

A informação sobre as vítimas é da chefe da equipe médica de emergência do país, Pirhossein Koulivand, em depoimento na TV estatal. A confusão que provocou os óbitos ocorreu na procissão, mas não está claro o que a motivou. O funeral foi adiado.

De acordo com a imprensa local, a multidão estava formada por milhões de iranianos, que gritavam “Morte à América!” e “Morte a Israel”, entre outras manifestações. Durante a cerimônia, bandeiras dos dois países hostilizados foram queimadas.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seja o primeiro a comentar, mas comente com responsabilidade e respeite a opinião alheia...

Post Bottom Ad